Vitória recebe o Internacional nesta quinta pelo jogo de ida da 3ª fase da Copa do Brasil

O técnico Rodrigo Chagas rechaçou a possibilidade de mudar o estilo de jogar da sua equipe para esse duelo.

Foto: Pietro Carpi / EC. Vitória

O Vitória enfrenta o Internacional, nesta quinta-feira (3), às 19h, no Barradão, válido pelo confronto de ida da terceira fase da Copa do Brasil. O técnico Rodrigo Chagas rechaçou a possibilidade de mudar o estilo de jogar da sua equipe para esse duelo.

“O esquema a gente está variando sempre dentro do jogo. A gente entende que é uma partida difícil, adversário tem uma equipe muito bem montada, mas a gente não vai abdicar da maneira que a gente joga. Temos nossas ideias formadas e dentro disso vamos montar uma estratégia para que a gente possa ter aquele resultado que esperamos”, afirmou.

O atacante Ronan, o volante Lucas Silva e o meia Bruno Oliveira estão fora da partida. O trio já atuou na Copa do Brasil por outras equipes e o regulamento não permite a participação desses atletas. O primeiro jogou pelo Atlético de Alagoinhas e os outros dois pela Caldense. Por outro lado, o centroavante Dinei foi regularizado e ficará como opção no banco de reservas.

“O mais importante é que Dinei está no elenco, no grupo, para poder nos ajudar. A gente não pode esquecer que Samuel, há pouco tempo atrás estava sendo…Estava sendo não, fez um grande jogo contra o Guarani, e a minha primeira opção sem dúvida é o Samuel. Dinei é um atleta que está vindo para nos ajudar no transcorrer de toda a competição”, disse o comandante rubro-negro.

O zagueiro Wallace está de volta ao time após se recuperar da Covid-19. Já o meia Fernando Neto deve ganhar uma oportunidade entre os titulares no lugar de João Pedro.

Pelo lado do Internacional, a novidade é o retorno de Boschilia. O meia voltou a ficar à disposição após oito meses, depois de se recuperar uma cirurgia no joelho direito, realizada em outubro do ano passado.

O técnico Miguel Angel Ramírez não contará com Rodrigo Dourado. Ele sofreu uma lesão na coxa e desfalcará a equipe por até três semanas. O chileno Palácios e peruano Guerrero, convocados para suas seleções, também são baixas na equipe.

Compartilhe