TSE nega problema na apuração de votos, mas admite erro em divulgação pela plataforma

Segundo a Corte, totalização está normalizada e não há prejuízo aos votos computados.

Foto: Antonio Augusto / Secom / TSE

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) afirmou hoje (15) que a demora na divulgação dos resultados da eleição este ano se deve a um problema na comunicação entre o sistema de totalização dos votos e o de divulgação. No entanto, de acordo com a Corte eleitoral, a totalização está sendo feita normalmente. Entretanto, há um problema na transmissão e por isso a divulgação total não está sendo possível. Não foi dada uma previsão de quando isso será resolvido.

Esta eleição é a primeira em que a totalização dos dados é feita toda pelo TSE, e não por cada um dos 27 Tribunais Regionais Eleitorais (TREs). Ainda de acordo com a Corte, isso traria algumas vantagens, como economia e segurança. O TSE diz que o atraso na divulgação dos resultados neste domingo não se deve a essa medida.

O secretário de Tecnologia da Informação do TSE, Giuseppe Janino, disse ontem (14) que, com a centralização da apuração no TSE, foi possível baixar os custos. Além disso, como não há mais 27 possíveis alvos de ataque, a vulnerabilidade diminuiu. Janino destacou que datacenter do TSE tem certificados internacionais de segurança.

Compartilhe