Três cidades baianas terão mais mulheres que homens na Câmara de Vereadores

São os casos de Rodelas, na divisa com Pernambuco; João Dourado, no Centro-Norte; e Palmas de Monte Alto, no Sertão Produtivo, Sudoeste baiano.

Foto: Reprodução / Portal Vilson Nunes

Se em 90 municípios do estado não haverá vereadoras a partir de 2021, três cidades tiveram um feito raro. Elas elegeram mais mulheres que homens para as Câmaras de Vereadores. Segundo o Correio, todas as três têm menos de 30 mil habitantes. São os casos de Rodelas, na divisa com Pernambuco; João Dourado, no Centro-Norte; e Palmas de Monte Alto, no Sertão Produtivo, Sudoeste baiano.

Das nove vagas para a Câmara Municipal de Rodelas, cinco serão de mulheres. Em João Dourado, seis das 11 vagas vão ser ocupadas por mulheres. No município, a maior votação para a Câmara foi obtida por uma mulher, Kel do Riacho, que teve 1.135 votos.

O caso de Palmas de Monte Alto ainda foi mais relevante. Com maioria de homens na população, três mulheres foram as mais votadas entre todos os candidatos ao Legislativo local. Patrícia do Rancho, Selma de Leotério e Rose da Barriguda somaram 2.140 em votos e ocuparam três das seis vagas conseguidas pelas mulheres em um total de 11 cadeiras da Câmara local.

Compartilhe