Suposto integrante da Al-Qaeda procurado pelo FBI vai à PF

Segundo advogado, ele já esteve lá ontem e se apresentou voluntariamente.

Foto: Divulgação

O egípcio procurado pela polícia federal americana (FBI), Mohamed Ahmed Elsayed Ahmed Ibrahim, suspeito de ter ligações com a Al-Qaeda, já se apresentou à Polícia Federal em São Paulo ontem (13) e deve ir de novo hoje, segundo seu advogado, Musslim Ronaldo Vaz de Oliveira.

“Ele vai novamente até a Polícia Federal prestar esclarecimentos. Ele já esteve lá ontem e se apresentou voluntariamente”, declarou o advogado, apontando que Ibrahim, que vive no Brasil há dois anos, é casado com uma brasileira e tem uma empresa de móveis em São Paulo, ficou assustado quando soube que era procurado, mesmo que não exista mandado de prisão nacional ou internacional contra ele.

Segundo Vaz, Ibrahim não é da Al-Qaeda, e sim de um movimento chamado Al-Gama’aal-Islamiya Egypt, que apoiava o ex-presidente Mohamed Morsi, deposto em 2013, quando seu partido, a Irmandade Muçulmana, foi proscrito e muitos de seus integrantes foram presos ou fugiram do país.

Compartilhe