Pior ainda está por vir, alerta Angela Merkel sobre segunda onda

Para a chanceler alemã nas próximas duas semanas as equipes médicas vão trabalhar no limite de suas capacidades.

Foto: EPP/Fotos Públicas

O pior ainda está por vir. O alerta foi feito pela chanceler alemã Angela Merkel. Na avaliação da dirigente europeia, a fase mais difícil acontecerá nas próximas semanas, quando equipes médicas devem trabalhar no limite de suas capacidades. As informações são do G1.

Na Alemanha, mais de 80% dos leitos de terapia intensiva do país estão ocupados. Angela Merkel avalia que o impacto total das aglomerações nas festas de fim de ano ainda não foi percebido nas estatísticas.

O cenário não está restrito à realidade alemã. Na Bélgica, neste domingo (10) foram confirmadas 20 mil mortes ligadas ao novo coronavírus. Com 1.725 óbitos por milhão de habitantes, este país europeu ocupa o primerio lugar em todo o mundo no volume de mortes proporicionalmente à sua população.

Na França, oito novos departamentos anteciparam o toque de recolher para 18h. No resto do país, às restrições às atividades e circulação de pessoas começam às 20h00. Em Mônaco, as medidas serão antecipadas na segunda-feira para 19h.

Compartilhe