Paciente com coronavírus no Brasil se reuniu com dez colegas no trabalho

Por precaução, a empresa colocou as dez pessoas que estiveram em contato com o paciente, em quarentena. Todos estão sendo monitorados pelas unidades de vigilância local.

Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil

Segundo pessoas próximas a um dos dois pacientes diagnósticados com coronavírus no Brasil, após a viagem à Itália, o homem de 32 anos esteve no escritório, no qual trabalha, e se reuniu com dez pessoas de sua equipe, em São Paulo.

Embora estivesse sem sintomas, o homem ficou preocupado com o fato de ter sido convidado para uma festa em que encontraria crianças no fim de semana e foi fazer os exames. Até agora, segundo pessoas próximas, ele segue sem apresentar os sintomas típicos do coronavírus.

Por precaução, a empresa colocou as dez pessoas que estiveram em contato com o paciente, em quarentena. Todos estão sendo monitorados pelas unidades de vigilância local.

Compartilhe