ONU diz que Julho foi o mês mais quente da história

Até o momento, o mesmo período de 2016 detinha o recorde.

Foto: Getty Images

Julho deste ano foi o mês mais quente registrado na história. Os dados foram publicados pela Organização Mundial de Meteorologia (WMO) e divulgados pelo secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU), António Guterres. Até o momento, quem detinha o título era o mesmo período de 2016. À época, o aumento na temperatura ocorreu com auxílio de uma das mais fortes incidências do fenômeno El Niño. No dia 25 de julho, Bélgica, Alemanha, Luxemburgo, Países Baixos e o Reino Unido bateram recordes de graus.

Compartilhe