Obesidade aumenta em até 4 vezes o risco de morte por Covid-19, aponta estudo

Segundo pesquisadores da Califórnia, perigo é maior para homens e pessoas com menos de 60 anos.

Foto: Wilson Dias / Agência Brasil

A obesidade pode aumentar em até quatro vezes o risco de morte por Covid-19, principalmente em homens e pessoas com menos de 60 anos, segundo pesquisa publicada ontem (12) na revista “Annals of Internal Medicine”.

Os médicos e cientistas da Califórnia, nos Estados Unidos, analisaram os dados de 5.652 pacientes que tiveram o teste positivo para o novo coronavírus entre fevereiro e maio deste ano. O risco causado pela obesidade foi ajustado no estudo, com uma exclusão de outras comorbidades, como diabetes, hipertensão, problemas cardíacos, entre outros. A pesquisa também excluiu dados de mulheres grávidas.

Os resultados mostraram que os pacientes obesos tinham até quatro vezes mais chance de morrer pela doença, especialmente homens e menores de 60 anos com Índice de Massa Corporal (IMC) elevado. A contagem do desfecho dos casos foi feita 21 dias após o início da infecção.

Compartilhe