Número de mortes por coronavírus na Bahia sobe para 295; 2.199 pacientes estão curados

Os 8.443 casos confirmados da doença ocorreram em 205 municípios do estado, com maior proporção em Salvador (62,96%).

Foto: Ingrid Anne

A Bahia registrou 295 mortes por coronavírus em todo o estado, de janeiro até este domingo (17), segundo boletim divulgado pela Secretaria de Saúde do Estado (Sesab). Na Bahia há 8.443 casos confirmados da doença, 2.199 pacientes recuperados e 5.949 pessoas sendo monitoradas pela vigilância epidemiológica.

Os casos confirmados ocorreram em 205 municípios do estado, com maior proporção em Salvador (62,96%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 1.000.000 habitantes são Uruçuca (3.070,33), Itabuna (2.973,41), Ipiaú (2.790,31), Ilhéus (2.316,31) e Salvador (1.851,10). No estado, 1.073 profissionais da saúde já foram contaminados pela Covid-19.

Confira os últimos registros:

  • 287º óbito – homem, 82 anos, residente em Alagoinhas, sem informação sobre comorbidades, veio a óbito em 15 de maio, em unidade da rede pública na localidade de residência.
  • 288º óbito – homem, 64 anos, residente em Ilhéus, sem informação sobre comorbidades, veio a óbito em 05 de maio, em hospital filantrópico na localidade de residência.
  • 289º óbito – mulher, 83 anos, residente em Salvador, sem informação sobre comorbidades, veio a óbito em 12 de maio, em domicílio.
  • 290º óbito – homem, 65 anos, residente em Salvador, sem informação sobre comorbidades, veio a óbito em 12 de maio, em domicílio.
  • 291º óbito – homem, 78 anos, residente em Ilhéus, com histórico de diabetes, doenças cardíacas crônicas e imunossupressão, veio a óbito em 11 de maio, em unidade da rede pública na localidade de residência.
  • 292º óbito – homem, 96 anos, residente em Itabuna, com histórico de doenças cardíacas, respiratórias crônicas e diabetes, veio a óbito em 12 de maio, em unidade da rede pública na localidade de residência.
  • 293º óbito – mulher, 52 anos, residente em Salvador, sem informação sobre comorbidades, veio a óbito em 2 de maio, em unidade da rede pública na localidade de residência.
  • 294º óbito – mulher, 45 anos, residente em Salvador, sem informação sobre comorbidades, veio a óbito em 9 de maio, em unidade da rede pública na localidade de residência.
  • 295º óbito – homem, 77 anos, residente em Salvador, com histórico de hipertensão arterial, veio a óbito em 17 de maio, em hospital da rede privada na capital baiana.
Compartilhe