Nos pontos corridos, Bahia venceu apenas 20% dos jogos fora de casa

Tricolor é o 12º melhor visitante entre os 20 clubes da Série A.

Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia

O Bahia estreou bem no Campeonato Brasileiro. Diante do Santos, em Pituaçu, o Esquadrão mostrou autoridade ao ganhar por 3×0. Agora, o time se prepara para um novo desafio: encara o Red Bull Bragantino amanhã, às 21h, no estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista.

O jogo será o primeiro dos 19 que o Esquadrão fará fora de casa na Série A. Além dos três pontos que manteria o tricolor nas primeiras colocações, uma vitória pode ser a chance de fazer em 2021 uma temporada diferente quando o assunto são os jogos como visitante.

Desde que o Campeonato Brasileiro passou a ser disputado em pontos corridos por 20 clubes, em 2006, o Bahia venceu 20,4% dos jogos que fez fora de casa no torneio. Em números práticos, foram 31 vitórias em 152 jogos durante as oito temporadas em que esteve na primeira divisão.

A estatística coloca o clube como o 12º visitante que mais venceu entre os 20 da atual Série A. O São Paulo lidera o ranking, com 99 vitórias em 285 partidas (34,7%), seguido por Flamengo (32,6%) e Fluminense (29,8%). Vale ressaltar que a lista leva em conta somente os pontos obtidos em vitórias – sem somar os empates. Estreante na primeira divisão, o Cuiabá é o único que nunca venceu fora de casa.

No Campeonato Brasileiro, a média do Bahia tem sido de quatro vitórias longe dos seus domínios por temporada. O número é considerado baixo para um clube que busca um salto de patamar e, por exemplo, conquistar uma sonhada vaga na Copa Libertadores.

Até o ano passado, a melhor campanha do tricolor em relação aos triunfos como visitante aconteceu em 2012, quando venceu seis dos 19 jogos. Naquele ano, o Esquadrão somou 23 pontos fora de casa e foi o sexto melhor visitante da Série A. Já no ano passado, o Bahia decepcionou. O time que brigou contra o rebaixamento conquistou apenas três triunfos longe de Salvador, igualando os anos de 2014 (rebaixamento) e 2017.

A pior campanha fora de casa, no entanto, foi registrada em 2018. Apesar de ter feito um torneio seguro e conquistado a classificação à Copa Sul-Americana, somente duas das 12 vitórias foram alcançadas como visitante, contra Ceará e Botafogo.

Na atual temporada, o time principal do Bahia soma 11 jogos como visitante por Copa do Nordeste, Copa do Brasil e Copa Sul-Americana. O Esquadrão ganhou cinco partidas, empatou duas e perdeu quatro. Um aproveitamento de 51,6%.

Na análise do lateral esquerdo Matheus Bahia, a equipe vive bom momento após vencer por Brasileirão (3×0 no Santos) e Copa do Brasil (1×0 no Vila Nova) e tem condições de voltar de Bragança Paulista com os três pontos na bagagem.

“É um time muito qualificado, tem um grande elenco, mas a gente vem fazendo o nosso trabalho. Estamos com a confiança lá em cima, time encaixado. Tenho certeza de que vai ser um grande jogo e vamos dar o nosso melhor para sair com o triunfo”, afirmou o lateral.

Em dois jogos contra o clube-empresa, o Esquadrão venceu em casa por 2×1 e foi derrotado por 4×0 fora. Por isso, o jogo de amanhã pode se apresentar o ao time baiano como uma chance de revanche.

“É outra temporada, a gente vem com outra confiança. Começamos a temporada de outra forma e temos que manter o que estamos fazendo. Conseguimos grandes jogos, grandes performances, perdemos jogos por detalhes e temos que continuar fazendo o que estamos fazendo”, analisou Matheus Bahia.

Ranking dos melhores visitantes no Brasileirão por pontos corridos entre 2006 e 2020:
1º São Paulo: 285 jogos e 99 vitórias (34,7%)
2º Flamengo: 285 jogos e 93 vitórias (32,6%)
3º Fluminense: 285 jogos e 85 vitórias (29,8%)
4º Grêmio: 285 jogos e 82 vitórias (28,7%)
5º Palmeiras: 266 jogos e 76 vitórias (28,5%)
6º Corinthians: 266 jogos e 74 vitórias (27,8%)
7º Internacional: 266 jogos e 72 vitórias (27%)
8º Atlético-MG: 266 jogos e 69 vitórias (25,9%)
9º Santos: 285 jogos e 72 vitórias (25,2%)
10º Athletico-PR: 266 jogos e 57 vitórias (21,4%)
11º Atlético-GO: 95 jogos e 20 vitórias (21%)
12º Bahia: 152 jogos e 31 vitórias (20,4%)
13º Chapecoense: 114 jogos e 21 vitórias (18,4%)
14º Ceará: 95 jogos e 16 vitórias (16,8%)
15º Sport: 190 jogos e 30 vitórias (15,7%)
15º Fortaleza: 57 jogos e 9 vitórias (15,7%)
15º Juventude: 38 jogos e 6 vitórias (15,7%)
15º Red Bull Bragantino: 19 jogos e 3 vitórias (15,7%)
19º América-MG: 57 jogos e 3 vitórias (5,2%)
20º Cuiabá: estreante na Série A

Compartilhe