Ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles diz que pecuária pode conter incêndios no Pantanal

Incêndios já destruíram quase 4 milhões de hectares de vegetação pantaneira em Mato Grosso e Mato Grosso do Sul.

Foto: José Cruz/Agência Brasil

O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, endossou, hoje (13), o argumento de que a criação de gado no Pantanal é uma forma eficaz de diminuir as queimadas no bioma. A informação foi divulgada pela Agência Brasil.

Salles afirmou que, ao se alimentarem, os animais ajudam a reduzir o estoque de matéria orgânica disponível no solo, eliminando parte do material capaz de alimentar eventuais focos de incêndio durante a época da seca.

“Ouvimos de várias fontes diferentes a necessidade de termos um reconhecimento do papel da criação de gado no Pantanal, uma vez que ele também contribui para diminuir o que há de matéria orgânica [combustível]”, disse Salles em audiência pública virtual realizada pela comissão temporária externa do Senado criada para acompanhar as ações de combate ao fogo na região.

Os incêndios já destruíram quase 4 milhões de hectares de vegetação pantaneira em Mato Grosso e Mato Grosso do Sul.

Compartilhe