Maioria dos moradores de casas inadequadas é preto ou pardo, diz IBGE

A cada dez brasileiros, sete vivem neste tipo de situação.

Foto: Tomaz Silva/Agência Brasil

A maioria das pessoas que mora em casas com algum tipo de inadequação é preto ou pardo, conforme o estudo Síntese de Indicadores Sociais, divulgado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A cada dez brasileiros, sete vivem neste tipo de situação.

O levantamento se baseou em dados de 2019 da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad). Segundo o estudo, ano passado 45,2 milhões de pessoas (21,6%) residiam em locais inadequados. Do número total, 31,3 milhões (69,2%) eram de cor preta ou parda.

O IBGE classifica como inadequadas as residências que não possuem banheiro exclusivo, têm paredes externas com materiais não duráveis, mais de três moradores por dormitório, o morador não seja proprietário do imóvel e o aluguel comprometa mais de 30% da renda familiar.

Compartilhe