Lula ficará junto com a militância em São Bernardo do Campo, diz Gleisi Hoffmann

Muitas pessoas sabem onde ele está.

A presidente nacional do PT, senadora Gleisi Hoffmann, disse a pouco que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva “permanecerá junto com a militância” na sede do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, em São Bernardo do Campo (SP) e “exerceu a opção” de não se apresentar à Polícia Federal em Curitiba.”Eu queria deixar claro que não há por parte do presidente Lula nenhum descumprimento da sentença do mandado de prisão expedido pelo juiz Sérgio Moro. Ele tinha a opção dada pelo juiz de ir até Curitiba. Não exerceu essa opção”, disse Gleisi. Na ordem de prisão, Moro informou que o ex-presidente poderia se apresentar voluntariamente até as 17h de hoje (6) à Polícia Federal em Curitiba.Segundo ela, o presidente continuará no sindicato junto aliados e os militantes, que está do lado de fora em apoio a Lula. “Ele está aqui no Sindicato do Metalúrgicos de São Bernardo do Campo, em um lugar público. Muitas pessoas sabem onde ele está. Aliás, o mundo sabe onde ele está. Vocês estão acompanhando. Aqui ele permanecerá junto com a militância”, acrescentou.A direção nacional do PT também informou, que amanhã às 9h30, será realizada uma missão em homenagem a Marisa Letícia Lula da Silva, que completaria 67 anos, com a participação prevista do ex-presidente Lula.

Compartilhe