Juazeirense faz história e, nos pênaltis, elimina Cruzeiro da Copa do Brasil

O próximo adversário da Juazeirense na competição será definido por sorteio.

Foto: Ivan Cruz/Futura Press/Folhapress

Em uma partida histórica, a Juazeirense avançou à quarta fase da Copa do Brasil. O time baiano venceu o Cruzeiro por 1 a 0 nesta quarta-feira (9), no tempo regulamentar, em partida realizada no Adauto Moraes. O gol foi marcado por Thauan, que saiu do banco. Na disputa de pênaltis, o Cancão conseguiu a classificação ao vencer por 3 a 2. O goleiro Rodrigo Calaça pegou duas cobranças e foi o herói da equipe do interior da Bahia.

A partida foi sem chances claras durante os 90 minutos. A melhor oportunidade do Cruzeiro foi criada por Airton, aos 27 minutos do segundo tempo.

O jogo mudou para o Cancão de Fogo aos 20 minutos, com a entrada do atacante Thauan. Ele teve uma chance importante aos 35 minutos, mas desperdiçou. Contudo, cinco minutos depois ele não desperdiçou e empurrou a bola para o fundo das redes.

No último lance da partida, o zagueiro Ramon, ex-Vitória, ainda teve uma chance importante. Ele chutou para o gol, mas, heroicamente, Daniel salvou em cima da linha. No rebote, o defensor cruzeirense chutou a bola na trave.

Nas penalidades, o grande destaque foi o goleiro Rodrigo Calaça, que pegou duas cobranças do time cruzeirense. O time baiano venceu por 3 a 2.

O próximo adversário da Juazeirense na competição será definido por sorteio. As datas e horários também ainda serão apresentados posteriormente pela Confederação Brasileira de Futebol.

Antes, a equipe volta às atenções para a Série D. O próximo adversário é o Asa (AL), neste domingo (13), às 16h.

Compartilhe