‘Família Bolsonaro precisa ficar de fora da eleição dos EUA’, diz comitê americano

A eleição norte-americana é daqui a cerca de 100 dias.

Foto: Fábio Pozzebom / Agência Brasil

O Comitê de Relações Internacionais da Câmara dos Deputados dos Estados Unidos quer que a família Bolsonaro se mantenha longe do processo eleitoral do país. O deputado Eliot Engel, presidente da comissão, disse que a interferência é inaceitável.

“Nós já vimos esse manual antes. É vergonhoso e inaceitável. A família Bolsonaro precisa ficar de fora da eleição dos EUA”, diz a mensagem do parlamentar, compartilhada pelo comitê em resposta a um tweet do deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP). Na postagem em questão, o terceiro filho do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) compartilhou um vídeo, declarando apoio ao atual presidente estadunidense Donald Trump.

A eleição norte-americana é daqui a cerca de 100 dias. Candidato à reeleição pelo partido republicano, Trump vai disputar o pleito contra o democrata Joe Biden.

Compartilhe