Dispositivos adiantam uma hora, mesmo sem horário de verão

Google informou que o problema já era previsto e explicou o ocorrido.

Foto: Pixabay

Mesmo após suspensão do horário de verão, decretada pelo presidente Jair Bolsonaro em abril deste ano, na madrugada deste domingo (3), usuários relataram nas redes sociais que relógios e celulares com sistema operacional Android, adiantam uma hora automaticamente.

O Google informou que o problema já era previsto e explicou que esse tipo de modificação impacta no Banco de Dados Global da IANA, Autoridade para Atribuição de Números da Internet, utilizado por smartphones e eletrônicos para garantir a hora certa em dimensão global. O adiantamento errôneo do horário nos dispositivos, também tinha acontecido em 20 de outubro, período em que tradicionalmente começaria o horário de verão.

Como neste domingo acontece a primeira prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019, é importante que os participantes, usuários de smartphones, fiquem atentos ao horário correto.

Compartilhe