Decreto estadual também cobra comprovante de vacinação para acesso às academias

Funcionamento dos estabelecimentos voltados para atividades físicas ficam condicionados à cobrança da vacinação para os clientes.

Foto: Foto de antes da pandemia / Elói Corrêa/ GOVBA

Passou meio desapercebido e o governador Rui Costa também não tocou no assunto em suas entrevistas, mas desde esta terça-feira (11) é obrigatória a apresentação do comprovante de vacinação para acesso às academias de musculação e estabelecimentos voltados para atividades físicas.

A nova regra consta no mais recente decreto de enfrentamento ao novo coronavírus que reduziu de cinco para três mil o público máximo nos eventos, além de exigir comprovante de vacinação em bares, restaurantes, espaços culturais, cinemas, teatro, parques de exposições e equipamentos assemelhados.

Confira outro locais onde será exigido o comprovante de vacinação:

– o governo do estado mantém a exigência da vacinação para acesso a unidades prisionais, do Detran, e Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC), assim como a visitação social às unidades de saúde, às unidades prisionais e às unidades policiais do Estado, além de escolas da rede pública estadual e qualquer outro prédio público do estado.

– A medida também vale para a utilização dos serviços de transporte coletivo rodoviário intermunicipal de passageiros, público e privado, nas modalidades regular, fretamento, complementar, alternativo e de vans.

Compartilhe