Covid-19: Vacina chinesa é segura e não causa efeitos colaterais graves, apontam estudos iniciais

China tem ao menos quatro vacinas experimentais em testes em humanos; no Brasil, o governo de São Paulo está apostando em uma delas, a Coronavac.

Foto: Getty Images

Uma vacina experimental chinesa contra a Covid-19, desenvolvida pelo Instituto de Biologia Médica e supervisionada pela Academia Chinesa de Ciências Médicas, mostrou resultados positivos em testes clínicos no estágio inicial, segundo informações divulgadas ontem (6) pelos autores da pesquisa.

De acordo com os dados preliminares em artigo científico sem revisão de outros cientistas, a aplicação da vacina não apontou reações adversas graves e apresentou um bom índice de segurança. Nesta etapa inicial, o imunizante foi dado a 191 participantes saudáveis com idades entre 18 e 59 anos.

A China tem ao menos quatro vacinas experimentais em testes em humanos. No Brasil, o governo de São Paulo está apostando em uma delas, a Coronavac, desenvolvida pelo laboratório Sinovac em parceria com o Instituto Butantan.

Compartilhe