Comarca realiza primeiro júri com tradução em libras em Alagoinhas

A iniciativa partiu da Juíza Márcia Cristie Leite Vieira, em 2017, de Itabuna e já rendeu uma premiação na 15ª edição do Prêmio Innovare – Premiando boas práticas.

Foto: Reprodução

O Tribunal do Júri da Comarca de Alagoinhas, no agreste baiano, realiza nesta terça-feira (3/12) pela primeira vez um julgamento com intérprete em Língua Brasileira de Sinais (Libras). O julgamento, que começou às 8h30, no Fórum Ezequiel Pondé, teve a participação de três intérpretes de libras. A iniciativa partiu da Juíza Márcia Cristie Leite Vieira, em 2017, de Itabuna e já rendeu uma premiação na 15ª edição do Prêmio Innovare – Premiando boas práticas.

Compartilhe