Chuvas no Espiríto Santo deixam ao menos seis mortos

De acordo com o relatório, Vargem Alta é o município com o maior número de desalojados com 212 pessoas forçadas a deixar suas casas.

Foto: Hélio Filho/Governo do Espirito Santo

As fortes chuvas que atingem o Espiríto Santo desde a última sexta-feira (17) deixaram seis mortos e pelo menos 229 pessoas desalojadas e 182 desabrigadas. As informações constam no boletim divulgado pela Defesa Civil do estado às 11h deste domingo (19).

De acordo com o relatório, Vargem Alta é o município com o maior número de desalojados com 212 pessoas forçadas a deixar suas casas. Rio Novo do Sul tem nove pessoas desalojadas e Anchieta, oito. Anchieta concentra o maior número de desabrigados: 80. Todos foram alojados no Centro de Convivência de Limeira.

Para este domingo, a previsão do tempo, divulgada pelo Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper), é de muitas nuvens e alguma abertura de sol em todo o estado com pancadas de chuva esporádicas em algumas regiões. Já na segunda-feira (20), o Incaper emitiu aviso metereológico alertando para o risco de tempestades de raios, chuvas intensas e vendavais.

Compartilhe