Carnaval 2020: 297 cirurgias de face e pescoço foram realizadas por conta de agressões

O número é 14% maior se for comparado o mesmo período do ano passado, quando foram contabilizadas 261 intervenções.

Foto: Divulgação

Foram realizadas 297 cirurgias de face e pescoço até o penúltimo dia de Carnaval, na última segunda-feira (24). A informação é do portal UOL, com informações da Secretaria municipal de Comunicação (Secom). Segundo a prefeitura, os traumas são por conta de episódios de agressão física, na maioria das vezes socos e pontapés. As vítimas são atendidas em postos alocados nos próprios circuitos do Carnaval. O número é 14% maior se for comparado o mesmo período do ano passado, quando foram contabilizadas 261 intervenções.

Compartilhe