Brasil atrasa registro de boletim em dia de recorde diário: 32.548 mortes por coronavírus

País contabiliza 584.016 casos confirmados de Covid-19, com 28.633 casos incluídos em 24 horas.

Foto: Valter Pontes/Secom

O Ministério da Saúde divulgou na noite de ontem (3) o mais recente balanço com as atualizações de casos e mortes por complicações do coronavírus no Brasil. O horário normal de atualização é entre as 19h e 20h da noite. No entanto, após alegar problemas técnicos, a pasta atrasou a divulgação e só tornou o boletim público por volta das 22h. O boletim registrou que o país chegou a 32.548 mortes, um total de 1.349 registros de morte incluídos em 24 horas. O Brasil contabiliza 584.016 casos confirmados de Covid-19, com 28.633 casos incluídos em 24 horas.

Ao todo, são 312.851 pacientes que estão em acompanhamento (53,6%) e 238.617 pacientes estão recuperados (40,9%). O balanço da quarta-feira registrou também 408 mortes que aconteceram nos últimos 3 dias. Além disso, segundo o Ministério da Saúde, há mais 4.115 suspeitas que estão sob investigação. São Paulo é o estado que mais registrou casos e mortes do país (123.483 e 8.276, respectivamente). De acordo com o boletim, a Bahia é o oitavo estado no ranking de casos.

Compartilhe