Bolsonaro sobrevoa áreas atingidas por ‘ciclone bomba’ em Santa Catarina

Pelo menos 185 cidades foram prejudicadas pelo fenômeno; dez pessoas morreram em Santa Catarina e no Rio Grande do Sul.

Foto: José Cruz/Agência Brasil

O presidente Jair Bolsonaro sobrevoou neste sábado (4) as áreas atingidas pelo “ciclone bomba”. Pelo menos 185 cidades do estado foram prejudicadas pelo fenômeno climático. Dez mortes foram registradas em Santa Catarina e no Rio Grande do Sul.

De acordo com informações do G1, Bolsonaro desembarcou em Florianópolis por volta das 8h20, e deixou o avião com máscara, conversou com autoridades e tirou fotos com pessoas que o aguardavam. Entre eles, a vice-governadora Daniela Reinehr. Os senadores Dário Berger (MDB), Esperidião Amin (PP) e Jorginho Mello (PL) acompanhavam a comitiva.

Duas aeronaves da comitiva fazem o sobrevoo pelas cidades da Grande Florianópolis. Em seguida, Bolsonaro deve se reunir com autoridades para explicar como ocorrerá a liberação de recursos federais para auxiliar na reconstrução das cidades atingidas. O governador Carlos Moisés deve participar de maneira remota, via videoconferência, já que está em quarentena com Covid-19.

Compartilhe