• YouTube
  • Facebook
  • Twitter

Publicado em 11 de Fevereiro de 2018

Teste de HIV realizado no carnaval de Salvador detecta 8 casos

Para os pacientes reagentes de Sífilis, o tratamento é iniciado no próprio local de atendimento.
WhatsApp
Teste de HIV realizado no carnaval de Salvador detecta 8 casos

Cerca de 1290 testes rápidos para detecção de doenças sexualmente transmissíveis, foram realizados até este sábado (10/2), primeiro dia de atuação do projeto Fique Sabendo no Carnaval deste ano. Nos dois postos instalados pela Prefeitura – na Barra e na Carlos Gomes – houve 8 casos de HIV detectados, 44 de Sífilis, 2 de Hepatite B e 7 de Hepatite C.

Para os pacientes reagentes de Sífilis, o tratamento é iniciado no próprio local de atendimento. Já os usuários com sorologia positiva para outras DSTs são encaminhados para as unidades de referência, localizadas nos bairros da Liberdade e Dendezeiros, para tratamento gratuito integral com equipe multidisciplinar.

Além de colaborar com a interrupção da cadeia de transmissão de doenças, a prefeitura incentiva a prática do sexo seguro, através da distribuição gratuita de preservativos em todos os circuitos da folia. Até o momento, mais de 1,2 milhão de camisinhas foram entregues aos foliões, tanto nas ruas quanto nos módulos de assistência à saúde.

Os postos do Fique Sabendo funcionam até o dia 13 de fevereiro, das 9h às 21h, no Multicentro Carlos Gomes, e das 12h às 22h, na Rua Dias D’Ávila, próximo ao Farol da Barra.Em todo o Carnaval do ano passado, realizou-se quase 7 mil testes rápidos, com 42 diagnósticos positivos para HIV, 200 reagentes para sífilis e 23 para hepatites.

mais notícias » Leia também