Bahia registra mais de 6,7 mil novos casos de Covid-19 em 24h, segundo maior nº desde início da pandemia

Segundo a Sesab, estado registrou 6.733 novos casos da doença e 125 mortes. Maior marca é do dia 27 de junho de 2020, com 8.822 casos.

Foto: Mateus Pereira/GOVBA

A Bahia registrou 6.733 novos casos de Covid-19 nas últimas 24h, segundo maior número desde o início da pandemia, de acordo com o boletim divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde (Sesab), nesta quarta-feira (9). A informação já tinha sido revelada pelo secretário Fábio Vilas-Boas nas redes sociais. Segundo a Sesab, a maior marca é do dia 27 de junho de 2020, com 8.822 casos.

O boletim da pasta aponta ainda 125 mortes pela doença, que aconteceram em datas diversas, mas foram registradas no boletim desta quarta. Com os novos dados, a Bahia tem 22.064 óbitos pela doença, o que representa letalidade de 2,11%.

Dentre os óbitos, 55,80% ocorreram no sexo masculino e 44,20% no sexo feminino. Em relação ao quesito raça e cor, 54,77% corresponderam a parda, seguidos por branca com 22,14%, preta com 15,52%, amarela com 0,43%, indígena com 0,13% e não há informação em 7,01% dos óbitos. O percentual de casos com comorbidade foi de 61,71%, com maior percentual de doenças cardíacas e crônicas (73,24%).

Segundo boletim, a Bahia registrou 1.048.084 casos de Covid-19, desde o início da pandemia. Desses casos, 13.662 pessoas estão com o vírus ativo. No estado, 49.668 profissionais da saúde tiveram diagnostico positivo para a doença.

O boletim informa também a situação da vacinação na Bahia. No estado, 3.813.754 pessoas foram vacinadas contra a Covid-19, dos quais 1.585.252 receberam também a segunda dose, até as 15h desta quarta.

Os dados do boletim representam notificações oficiais compiladas pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica em Saúde da Bahia (Divep-BA), em conjunto com as vigilâncias municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até as 17h desta quarta. O boletim completo está disponível no site da Sesab e em uma plataforma online.

Leitos Covid-19

Segundo o boletim desta quarta, a Bahia tem 3.437 leitos ativos para tratamento da Covid-19. Desse total, 2.620 estão com pacientes, o que representa taxa de ocupação geral de 76%. Desses leitos, 1.588 são de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) adulto e estão com taxa de ocupação de 84% (1.339 leitos ocupados).

Já nas UTIs pediátricas, 25 das 35 estão com pessoas internadas, o que representa uma taxa de ocupação de 71%. O leitos clínicos para adulto estão com ocupação de 69%, e os leitos infantis, estão com lotação de 79%.

Em Salvador, dos 1.547 leitos ativos, 1.195 estão ocupados (77% de ocupação geral). A taxa de ocupação dos leitos de UTI adulto é de 82%, e o pediátrico está em 67%.

Ainda na capital baiana, os leitos de enfermaria registram ocupação de 72% para adultos, e 86% para os leitos pediátricos.

Ainda segundo a Sesab, até as 12h desta quarta, 147 solicitações de internação em UTI adulto Covid-19 constavam no sistema da Central Estadual de Regulação. Outros 94 pedidos para internação em leitos clínicos adultos Covid-19 estavam no sistema.

Compartilhe