55% dos recuperados de Covid-19 tiveram transtornos psicológicos, diz estudo

Mulheres e pacientes com diagnóstico psiquiátrico prévio são os mais afetados, segundo pesquisadores da Itália.

Foto: Paula Fróes/GOVBA

Um estudo feito por especialistas do hospital San Raffaele, em Milão, na Itália, apontou que 55% dos 402 pacientes monitorados após contraírem Covid-19 desenvolveram pelo menos um transtorno psiquiátrico. A informação é do UOL.

A pesquisa, baseada em entrevistas clínicas e questionários de autoavaliação, mostrou que entre os pacientes que desenvolveram algum sintoma, 28% tiveram transtorno de estresse pós-traumático, 31% apresentaram depressão e 42% tiveram ansiedade. Além disso, 40% dos pacientes tiveram insônia e outros 20% desenvolveram sintomas obsessivo-compulsivos.

Os pacientes monitorados foram 265 homens e 137 mulheres. A pesquisa constatou que as mulheres sofreram mais que os homens psicologicamente, assim como pacientes com diagnóstico psiquiátrico prévio positivo foram mais afetados do que os que não têm histórico de transtorno.

De acordo com os pesquisadores, os efeitos psiquiátricos podem ser causados “pela resposta imune ao próprio vírus ou por estressores psicológicos, como isolamento social, impacto psicológico de uma nova doença grave e potencialmente fatal, preocupações com a infecção de outras pessoas e estigma”.

Compartilhe